ATUALIZE-SE COM O IMB

Encontre nessa página notícias relevantes do meio jurídico

IMB lamenta mortes dos Associados: Desembargadores Antônio Jayme Boente e Genarino Carvalho Pignataro
Fonte: IMB / Fotos: IMB e TJRJ
Data: 11/04/2022

Final de semana de luto na Magistratura fluminense. Com profundo pesar, o Instituto dos Magistrados do Brasil-IMB lamenta o falecimento dos Desembargadores Associados: Antonio Jayme Boente, aos 62 anos, ocorrido na manhã do sábado, dia 09, e Genarino Carvalho Pignataro, aos 93 anos, no domingo, dia 10. O Presidente do IMB, Desembargador Fábio Dutra, em seu nome e da Diretoria, envia condolências às famílias e amigos dos Magistrados.

 

O Desembargador Boente, como era costume aos sábados, estava jogando tênis no clube Marina, na Barra da Tijuca, onde teve um infarto fulminante. Com assento efetivo na 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) desde 2011, ingressou na Magistratura em 1991 e trilhou brilhante carreira no Judiciário fluminense. Foi Presidente e Corregedor do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ), atuou na Coordenadoria dos Juizados Especiais Criminais, com atenção voltada para eventos de grande porte e na área esportiva, e também do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário, além de ter presidido a Comissão de Segurança Institucional do Poder Judiciário, encarregada de elaborar plano de proteção a Juízes e servidores em situação de risco. Atualmente presidia o Conselho de Segurança do Governo do Estado.


Sua morte repentina deixou os colegas Magistrados consternados. O Presidente do IMB, Desembargador Fábio Dutra, lamentou:
– Gostaria de exaltar as qualidades de homem público, de excelente colega, de grande Magistrado, um homem sensível e que nos deixa prematuramente, tornando nosso final de semana triste.


A 2ª Vice-presidente do IMB, Desembargadora Regina Lúcia Passos, deu o seguinte depoimento:
– Estamos muito tocados e emocionados pela partida precoce do amigo Boente.
Tínhamos uma ligação muito forte de amizade e admiração. Quando ele ingressou na Magistratura, e foi para Cabo Frio, eu e Cícero (marido da Desembargadora) lá estávamos. Cícero foi o primeiro promotor com quem ele trabalhou e isso era motivo para o uso do bordão que ele criou: “O primeiro a gente não esquece”. Recentemente, vivenciei uma situação esdrúxula de ameaças e stalking, quando o Boente e sua equipe deram, a mim e família, toda atenção. E, em todas as ocasiões que nos víamos no TJ, ele demonstrava o afeto e amizade que nos unia. De fato, ele fará muita falta. Aliás, já está fazendo. Nem conseguimos dormir direito, de tanta angústia e aperto no coração. Mas, vivemos na esperança da acolhida do Cristo Salvador, que é onde o querido Boente está agora! Amém.


A Desembargadora Conceição Mousnier enviou a seguinte mensagem:
– Notícia triste recebida neste sábado, dia nove de abril de 2022, o falecimento do Desembargador Antônio Boente. Ainda ontem nos falamos pelo celular. Colega de profissão e amigo de vida. Moço, família bonita, grande Magistrado, jornada exemplar. Morte súbita, sem aviso prévio, nos diz como somos finitos, meros grãos de areia. Rogo a Deus o receba em sua misericórdia, dê forças e conforto à família.


Neste domingo, dia 10, o Desembargador Genarino Carvalho Pignataro faleceu. Era Associado do IMB desde 1994. Em solenidade realizada no dia 8 de outubro de 2008, o Magistrado foi homenageado pelo TJRJ, juntamente a mais 130 Desembargadores, com a Medalha de Honra da Magistratura Fluminense. A condecoração foi instituída em junho daquele ano pelo Órgão Especial do TJRJ, com o objetivo de homenagear os Magistrados que se aposentaram por idade, em reconhecimento à sua dedicação.

topo