ATUALIZE-SE COM O IMB

Encontre nessa página notícias relevantes do meio jurídico

Presidente do TJGO inaugura primeiro Cejusc da comarca de Goianira
Fonte: TJGO / Foto: Wagner Soares
Data: 14/10/2020

A comarca de Goianira acaba de ganhar seu primeiro Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc), inaugurado nesta terça-feira, dia 13. Na cerimônia de inauguração, realizada no auditório do Tribunal do Júri do fórum local, o Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) e Associado do Instituto dos Magistrados do Brasil-IMB, Desembargador Walter Carlos Lemes, destacou que “a comarca de Goianira necessita de um Cejusc para atender melhor a população e trazer celeridade à prestação jurisdicional”. Como as demais unidades do tipo, serão atendidas demandas processuais e pré-processuais.

 

A unidade terá caráter regional, abrangendo os municípios de Brazabrantes e Santo Antônio de Goiás, que compõe a circunscrição judiciária. A expectativa é receber, em seis bancas de conciliação e mediação, demandas cíveis, de família e DPVAT.


São mais 114 milhões de processos em tramitação no Brasil hoje, enquanto, para julgar o volume, existem, apenas, cerca de 18 mil Magistrados. Dessa forma, é necessário investir em formas para solucionar litígios de forma rápida e prática, conforme expôs o Diretor do Foro de Goiânia, Juiz Paulo César Alves das Neves, também presente à solenidade. “Antes chamadas de meios alternativos para solução de conflitos, a mediação e a conciliação são, agora, os meios adequados, pois conseguem entregar com mais satisfação os resultados, pois o jurisdicionado participa, ativamente, da resolução, que não é imposta por uma sentença”.


Situado quase em frente ao fórum, o prédio onde vai funcionar o Cejusc foi cedido pela prefeitura de Goianira, enquanto parte do mobiliário, como mesas, cadeiras e aparelhos de ar-condicionado, foram doados, em conjunto, pelas prefeituras de Brazabrantes e Santo Antônio de Goiás.

 

Solenidade

 

A coordenação do Cejusc Regional de Goiania está a cargo da Juíza Fláviah Lançoni Costa Pinheiro, lotada na comarca desde 2011. Em seu discurso, a Magistrada agradeceu à Presidência do TJGO por “não medir esforços para contribuir com a comarca e melhorar a prestação jurisdicional”. A Juíza, ainda, frisou que o “Presidente Walter Carlos tem um olhar cuidadoso com a comarca, corrigindo uma distorção antiga, ao elevá-la à entrância intermediária, no ano passado, com, também, cuidado às necessidades de Magistrados e servidores”, ao falar sobre as obras de manutenção que, recentemente, o prédio do fórum passou, com correção de instalações hidráulicas e ampliação de salas.


Em consonância com o discurso, a Diretora do Foro local, Juíza Eugênia Bizerra de Oliveira Araújo, frisou que a comarca “alcançou muitas conquistas, mesmo na época da pandemia do novo Coronavírus”. A Magistrada também salientou que “o TJGO é reconhecido, nacionalmente, nas áreas de conciliação e a mediação, e que trabalha para mudar a cultura do litígio, tão enraizada no País”.


Participaram também da cerimônia os prefeitos de Brazabrantes e Santo Antônio de Goiás. “O Cejusc é uma ferramenta de serviços em prol da sociedade”, afirmou Márcio Antônio Machado, da primeira cidade, enquanto Frederico Marques de Oliveira, de Santo Antônio, discursou sobre a necessidade de “juntar esforços para dar celeridade às demandas da população”. A solenidade, contou, ainda, com apresentação musical do tenor Adriano Pinheiro, que tem carreira internacional reconhecida e é marido da Juíza Fláviah Lançoni. Além das autoridades citadas, compuseram a mesa diretiva a Promotora de Justiça Renata Miguel Lemos e a assessora jurídica do Município de Goianira Lorraine Santos.

 

topo